O comunismo desnudado

Começou um novo ano e eu volto a escrever por aqui, agora com a promessa de tentar publicar ao menos dois textos por semana. Esse blog foi criado com uma finalidade que vai além de apenas compartilhar informações, textos e idéias, vamos ver se aos poucos esse objetivo maior se concretiza.

Este é fundamentalmente um lugar de reflexão política e, portanto, urge proporcionar um espaço de formação dentro das limitações que o formato Blog impõe. Felizmente não é preciso inventar a roda, há bom material no mundo virtual que é pouco conhecido pelo público brasileiro. As vezes por estar somente disponível em língua estrangeira, as vezes por ter sido pouco divulgado. O que vou compartilhar nesse post se enquadra na segunda categoria.

Trata-se do ótimo documentário ‘The Soviet Story’, produzido em 2008 e dirigido por Edvins Snore, diretor letão e mestre em ciência política. Snore nos oferece uma leitura do regime soviético que não encontraremos em nossas salas de aula nas escolas e universidades.

Snore recorre a documentos históricos da época do regime, à opinião de especialistas e a testemunhas dos massacres perpetrados para mostrar que os crimes soviéticos foram tão ou mais abomináveis do que os dos nazistas. O ponto alto do documentário é justamente o momento onde somos apresentados às relações amistosas que Stálin mantinha com Hitler e que redundaram, entre outras monstruosidades, na deportação de judeus que buscavam asilo na URSS à Alemanha Nazista.

Conforme a sinopse do documentário apresentada na sua página oficial:

“‘The Soviet Story’ é uma história de um poder Aliado que ajudou os nazistas a perseguir os judeus e que chacinou seu próprio povo numa escala industrial. Apoiados pelo Ocidente, esse poder triunfou em 9 de Maio de 1945. Seus crimes foram feitos tabus, e a história completa do mais assassino regime Europeu nunca foi contada. Até agora…”

Depois de ver o documentário fica uma estranha sensação. Se o Nazismo é, por bons motivos, considerado um crime e a divulgação de sua ideologia é combatida em grande parte do mundo Ocidental, porque o comunismo é tão bem aceito? Porque partidos declaradamente stalinistas, como o brasileiro PCdoB, podem atuar livremente e inclusive possuir cadeiras em nossas câmaras e cargos públicos? Lembremo-nos do último ministro do esporte, oriundo das fileiras do PCdoB, que foi denunciado por corrupção e perdeu o cargo.

Sem mais delongas, esse documentário é fortemente recomendado por essa humilde escriba. Não percam! E mais, divulguem!

 

Mais informações: página sobre o documentário na Wikipédia. Página oficial do documentário.

 

Documentário disponível na internet.

 

Áudio: Inglês

Legenda: Português

Parte 4

Parte 5

Parte 6

Parte 7

Parte 8

Parte 9 (final)

 

Anúncios
  1. Eu não sou comunista, mas a narração dele não é toda correta. Primeira, é completamente sabido que houve um acordo entre Stálin e Hitler. Este acordo foi rompido depois. Da mesma maneira que americanos venderam equipamentos para a Alemanha e Ingleses se relacionaram com Hitler e franceses comandados por Petain, um militar, se aliaram aos nazistas que tomaram a França. Hitler assumiu o poder na Alemanha em 1933 e a guerra começou em 1939. Primeiro europeus entraram na guerra contra Hitler, depois A aliança que venceu Hitler, os aliados tinham como principais países EUA, Inglaterra e USSR(Stálin). Quem entrou em Berlim com tropas contra Hitler foi o exército russo. Stálin era um ditador, mas história foi mais complexa. E hoje, o Estado de Israel oprime os palestinos. Numa democracia, existem os mais variados partidos. Partidos comunistas existem nas democracias europeias (Inglaterra, França, Itália…), Estados Unidos e outros. Massacre há muitos na história e nós não devemos concordar com nenhum, seja quem for que pratique. Abraços, desculpe me alongar, é que eu gosto de política. Pedro Guilherme.

    • vvsilver
    • 31 de janeiro de 2012

    Não precisa se desculpar pelo longo comentário, Pedro Guilherme!

    Você tem razão, a questão é muito mais complexa. Não foi só a URSS que afagou Hitler e, no mais, as potências Ocidentais inicialmente foram bastante tolerantes com as agressões da Alemanha Nazista. O ótimo livro de Churchill “Memórias da Segunda Guerra Mundial” mostra isso muito bem, inclusive com fortes críticas do futuro primeiro ministro ao governo britânico.

    De fato numa democracia esperamos que as mais diversas ideologias possam conviver na arena política. Mas há uma contradição nisso. Ora, se os crimes nazistas são usados como justificativa para a proibição de partidos neonazistas, por que os crimes soviéticos, especialmente de Stalin, não são motivos suficientes para a proibição de partidos stalinistas? Há evidentemente dois pesos e duas medidas. Não estou de maneira alguma defendendo a existência de partidos nazistas, apenas estou apontando para a contradição.

    Acho que a principal intenção desse documentário que postei foi justamente denunciar esses crimes soviéticos que são pouco discutidos e divulgados. Olhamos com horror para o Holocausto mas ignoramos o Holodomor, por quê? Nesse sentido acredito que o documentário foi muito bem conduzido.

    Por fim, agradeço pelo seu ótimo comentário!

    Abraços,
    Verônica

    • Verônica: O vídeo possibilita várias discussões, algumas coisas que vi acho não são verdadeiras em termos históricos, mas é um bom instrumento para debate. Mas o que eu quero falar é outra coisa. Quero dar os parabéns pela iniciativa e que você continue postando periodicamente suas opiniões, comentários e vídeos. Gostei.abraços,
      Pedro Guilherme

    • Nicolau
    • 25 de setembro de 2012

    A covarde “democracia” Ocidental foi aliada ao comunismo assassino na Segunda Guerra e ainda ajuda o comunismo, por isso só fala desses criminosos judeus criadores do comunismo e do Gulag na Sibéria com 100 milhões de mortos pela Besta Judeo-Comunista!

  1. No trackbacks yet.

Seus comentários são muito importantes! Deixe sua opinião!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: